Tenha uma ilha na sua cozinha

Uma cozinha gourmet com ilha é sempre um charme a parte? Além de deixar a cozinha ainda mais bonita, ela fica muito mais funcional com um espaço exclusivo para o preparo dos alimentos bem no centro do ambiente. A ilha facilita a circulação, delimita um espaço para cozinhar e ainda permite uma maior integração das pessoas no ambiente.

Prática e moderna, a cozinha com ilha virou tendência na arquitetura de cozinhas contemporâneas. Ela funciona como uma bancada que permite a divisão de tarefas em diferentes pontos do cômodo. Esta pode ser uma solução sofisticada para aquele espaço meio perdido que existe na cozinha. Ou pode ser um espaço conveniente para sentar e fazer refeições rápidas.

Para você também ter a sua ilha

A primeira coisa que você deve fazer é pensar na função que a sua ilha terá na cozinha. Como já falamos, ela pode ser uma mesa para refeições rápidas com cadeiras legais; pode ser parte integral da área de preparo das refeições colocando um fogão, utensílios e até gavetas; ou pode servir como divisória entre cozinha e sala. Isso vai depender das suas necessidades específicas.

Se você decidir pela ilha como área para cozinhar, o passo seguinte é escolher quais equipamentos vão na ilha. Ao instalar um fogão tipo cooktop, considere colocar prateleiras móveis ou gavetas abaixo do fogão para guardar potes e panelas. Não esqueça de planejar também a parte mecânica necessária para o funcionamento de alguns equipamentos, como canos de água para pias e sistema de exaustão acima ou abaixo e sistema de gás para os fogões.

A ideia principal da ilha é a funcionalidade. Então, o mais importante é o espaço que deve haver entre a ilha e as outras superfícies da cozinha. É preciso um espaço que permite a abertura dos armários e eletrodomésticos e possibilite a passagem de duas pessoas confortavelmente. Nos projetos convencionais, a distância entre a ilha e a outra superfícies de trabalho é de 70 a 120 cm. A altura deve ser a mesma nas duas superfícies.

Caso você tenha uma cozinha pequena, a ilha pode não ser o ideal. Mas nada está perdido. Nesses casos, o mais indicado é a cozinha com península, que otimiza o ambiente com um móvel encostado na parede. Nos dois casos, uma boa iluminação é essencial. Para qualquer função que a ilha – ou península – vá exercer, é preciso uma luz direta sobre ela. Aposte em uma iluminação com pendentes, para ilhas eles são os mais indicados.

Comentar